“E aí, passou?”

 

A nota do vestibular é o resultado mais esperado para os alunos.

Na primeira fase dos principais vestibulares públicos e particulares do país a quantidade de questões esta diretamente relacionada a nota. Ou seja, acertar 90 questões é ter 90 pontos!

Cada curso tem um número de pontos mínimo para concorrer a vaga e passar para a segunda fase de provas ou ser aprovado direto (para as faculdades que não possuem segunda fase).

O ENEM é diferente!

 

Nas provas do ENEM o resultado é diferente. Os candidatos com o mesmo número de respostas certas podem ter resultados diferentes na nota final.
A prova é dividida por competências (Matemática e suas tecnologias, Linguagens, Códigos e suas tecnologias, Ciências da Natureza e suas tecnologias e Ciências Humanas e suas tecnologia) que foram escolhidas para testar as suas habilidades.

O objetivo desta forma  de avaliação é saber se há coerência nas respostas dos candidatos. A coerência é um sinal de que aquele conhecimento é sólido e que o acerto não foi apenas um chute.

Acertar varias questões NÃO garante uma boa nota.

 

O que conta não é o número de acertos, mas sim, o quão próximo a alternativa está da resposta certa.

Vamos usar um exemplo, um estudante que acertou várias questões do nível fácil e poucas do nível difícil provavelmente tenha acertado esses difíceis pelo chute e não faria sentido ganhar todos os pontos da questão difícil. Já  o estudante que acerta na mesma proporção as questões de nível fácil, nível médio e nível alto terá uma nota alta pela coerência de conhecimentos. 

O ENEM tem nota máxima ou nota mínima?

 

A nota mínima do ENEM não necessariamente é 0, nem a máxima é 1000. Esses valores são definidos de acordo com o grau de dificuldade da prova.

Lembre-se que no cálculo dos pontos, quando há coerência nas respostas, os acertos valem mais. Mas todas as questões respondidas corretamente contribuem com a pontuação. Por isso é melhor responder (mesmo sem ter certeza) do que deixar uma questão sem resposta.

A Redação.

A redação do ENEM deve ser feita no modelo dissertativo argumentativo e representa 50% da sua pontuação final.

Os temas costumam ser sociais.

Para garantir a redação nota mil, você precisa obedecer a cinco requisitos.

  • Demonstrar domínio da norma da língua escrita;
  • Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo;
  • Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  • Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;
  • Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Cada requisito vale 200 pontos.


Equipe Guia Cursinho

camila@guiacursinho.com.br

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *